Nanofios são responsáveis pela força das teias de aranha, diz pesquisa

Teia de aranha é a fibra natural mais forte conhecida no mundo (Foto: Pxhere/Creative Commons)
 


Cinco vezes mais forte que um cabo de a&ccedil;o do mesmo peso, mas tamb&eacute;m suave e flex&iacute;vel, a teia de aranha &eacute; um dos materiais mais incr&iacute;veis da Terra. Com isso, os cientistas buscam desvendar seus segredos estruturais, com o objetivo final de desenvolver uma fibra parecida.&nbsp;<br />
<br />
Agora, pesquisadores do Departamento de Ci&ecirc;ncia Aplicada da William &amp; Mary, nos Estados Unidos, fizeram uma descoberta sobre a fibra natural da aranha-violinista (<em>Loxosceles reclusa</em>) que apode ajudar nesta miss&atilde;o.&nbsp;


&quot;Esper&aacute;vamos descobrir que a teia era uma massa &uacute;nica&quot;, disse Hannes Schniepp, autor do estudo, em um comunicado. &quot;Mas a seda &eacute;, na verdade, uma esp&eacute;cie de min&uacute;sculo cabo, feito de v&aacute;rios nanofios. Cada um &eacute; composto de prote&iacute;na, e tem menos de um milion&eacute;simo de polegada de di&acirc;metro.&quot;


Schniepp e seu aluno de p&oacute;s-gradua&ccedil;&atilde;o, Qijue Wong, usaram microscopia de for&ccedil;a at&ocirc;mica &ndash; microscopia de varredura por sonda de alta resolu&ccedil;&atilde;o &ndash; para examinar os filamentos em n&iacute;vel molecular. No artigo que detalha os resultados, publicado na <a href="https://pubs.acs.org/doi/10.1021/acsmacrolett.8b00678" target="_blank"><em>ACS Macro Letters</em></a>, a dupla notou que todas as propriedades ​​da teia v&ecirc;m da estrutura e arranjo dos nanofios.&nbsp;
Aranha-violinista (Loxosceles reclusa) (Foto: mattb/Wikimedia Commons)
&nbsp;


<strong><em>Leia tamb&eacute;m: </em></strong><br />
<a href="https://revistagalileu.globo.com/Revista/noticia/2015/05/aranhas-podem-ficar-presas-em-outra-teia.html" target="_blank">+&nbsp;Aranhas podem ficar presas em outra teia?</a><br />
<a href="https://revistagalileu.globo.com/Ciencia/noticia/2018/08/uniforme-militar-produzido-com-teia-de-aranha-sera-prova-de-balas.html" target="_blank">+&nbsp;Uniforme militar produzido com teia de aranha ser&aacute; &agrave; prova de balas</a><br />
<br />
Uma imagem revelou que um filamento da fibra da aranha-violinista &eacute; feito de aproximadamente 2,5 mil nanofios, cada um com 20 nan&ocirc;metros de di&acirc;metro e mais de 1 m&iacute;cron de comprimento. Eles s&atilde;o empilhadas em paralelo, e n&atilde;o tran&ccedil;adas, como alguns modelos sobre teia de aracn&iacute;deos t&ecirc;m sugerido.


&quot;Na aus&ecirc;ncia de evid&ecirc;ncias experimentais, modelos estruturais competitivos e incompat&iacute;veis de fibras naturais de seda t&ecirc;m sido propostos. N&oacute;s desenvolvemos o modelo estrutural mais detalhado para qualquer teia j&aacute; diretamente sugerida por evid&ecirc;ncias experimentais&quot;, escreveram os pesquisadores.&nbsp;


Com base na descoberta de que as camadas se separam com facilidade, os dois teorizam que a for&ccedil;a da teia da aranha-violinista vem do comprimento dos nanofios, n&atilde;o dos la&ccedil;os entre eles.&nbsp;


&quot;Nosso trabalho ressalta a import&acirc;ncia das nanofibras e promove a compreens&atilde;o das rela&ccedil;&otilde;es de estrutura e propriedade da seda, com amplas implica&ccedil;&otilde;es para a pesquisa da teia e o design de materiais de alto desempenho inspirados na fibra de aranha&quot;, eles afirmaram.&nbsp;


<em>Curte o conte&uacute;do da <strong>GALILEU? </strong>Tem mais de onde ele veio: <a href="https://www.globomais.com.br/" target="_blank">baixe o app Globo Mais</a> para ler reportagens exclusivas e ficar por dentro de todas as publica&ccedil;&otilde;es da Editora Globo. Voc&ecirc; tamb&eacute;m pode <a href="https://www.assineglobo.com.br/produtos/galileu/GC/?site_par=1&amp;origem_par=1&amp;formato_par=GC_MENSAL&amp;versao_par=CAPA&amp;utm_source=capa&amp;utm_medium=site&amp;utm_campaign=gc_mensal&amp;utm_content=capa:site:gc_mensal:capa&amp;utm_term=capa" target="_blank">assinar a revista,</a> a partir de R$ 4,90, e ter acesso &agrave;s nossas edi&ccedil;&otilde;es.</em>

Deixe uma resposta